.

.

.

.
RSS

Imperador? Só de problemas

Adriano ganhou mais uma vez o destaque da mídia nacional na última sexta-feira. E novamente ela foi negativa. Isso porque, em entrevista coletiva, o técnico Tite confirmou que o atleta não participará da partida de hoje contra o Guarani, em que seria titular (Elton entrará em seu lugar)  e que não viajará com a equipe para o confronto com o Cruz Azul, no México, em partida válida pela Copa Libertadores.

O motivo? Mais uma polêmica.


De acordo com as informações apuradas até o momento, Adriano teria discutido com o técnico corintiano após ter se recusado a se pesar, antes de iniciar o treinamento da tarde de sexta. A atitude do atleta ainda tentou ser contornada pelo preparador físico Fábio Mahseredjian, mas Adriano estava irredutível. Coube ao preparador então, acionar o Gerente de Futebol Edu Gaspar. Edu por sua vez, passou a bola para Tite. Durante a entrevista coletiva no fim do dia, o técnico não titubeou:

- Ele está fora da equipe, fora da concentração. Não treinou como gostaríamos que treinasse durante a semana e evoluísse. Por isso está fora.


Adriano, desde que foi contratado pelo Corinthians, em Março de 2011, não consegue passar confiança para ninguém. Seu salário? Gira em torno de absurdos R$ 300 mil por mês, e se encerra no próximo mês de julho. Seu desempenho? Chegou, treinou, se machucou, passou meses fora, não consegue entrar em forma, jogou apenas 8 partidas entre 2011 e 2012 sendo somente uma inteira, e marcou míseros dois gols.

Com o fraco desempenho do atacante, a diretoria do Corinthians, que antes cogitava uma renovação do contrato do atleta, hoje não admite, mas deixa a entender que essa possibilidade está bem distante. Quem sabe quando ele começar a jogar bola?





                                           

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

2 Comentários:

Anônimo disse...

ADRIANO É SÓ PROBLEMA , ELE TEM QUE SAIR DO TIME !

Ricardo Santana disse...

Adriano, lamentavelmente, não é mais jogador pura e simplesmente. Seus interesses e prioridades, além de receber salário sem trabalhar corretamente, vai além dos estádios e concentrações. Ele, hoje, está comprometido mais com outros "times".

Postar um comentário

Xingamentos ou qualquer outras coisas do gênero serão excluídos.